Res˙menes - CDT N║ 43

 

Humanidades - Ciencias Sociales

[Indice] - [English]

 

Investigación

bullet

Humanidades - Ciencias Sociales

Educação e cidadania: alternativas e resistências à exclusão social

Cantero, Germán*; Celman, Susana*; Ulla, Zunilda*; Andretich, Gabriela*; Chapero, María Laura*; Correa, Bárbara*; Olivieri, María Paula*; Pontarelli, Diego*; Olmedo, Virginia*; Amavet, Ana*; Basgall, Silvina*; Barreto, María Fernanda*; Corrado, Andrea**; Ipucha, César**; Medela, Paula**; Stigaard, Blanca***.

Resumo:

Neste artigo se expõem resultados de uma investigação participativa e etnográfica orientada a contribuir com a construção de uma experiência de educação cidadã de pretensões alternativas, que permitiu à mesma vez obter conhecimentos sobre as limitações e possibilidades dessas experiências em contextos históricos, sociais e institucionais contrastantes. Para isso, tomaram-se como casos duas instituições do Ensino Geral Básico-Terceiro Ciclo (EGB3): uma pequena escola rural em Entre Rios e uma grande escola do conurbano de Buenos Aires, cujas histórias e atores foram significados como condições adequadas para estes propósitos.

 
 
Palavras chave: educação, educação cidadã, investigação participativa, alternativas pedagógicas, exclusão social.
 
Artículo derivado del PID UNE R 3099, radicado en la Facultad de Ciencias de la Educación (FCEdu) de la Universidad Nacional de Entre Ríos (UNER, Paraná, Argentina), Directores: Prof. Germán Cantero, Codirectora: Prof. Susana Celman; recibido en octubre 2010, admitido en agosto 2011. Autores: *FCEdu, UNE R, Paraná (Entre Ríos, Argentina). **Departamento de Educación, Universidad Nacional de Luján (Buenos Aires, Argentina). *** Facultad de Ciencias Sociales, Universidad de Buenos Aires (Buenos Aires, Argentina). Contacto: germanc@gigared.com
   
 

bullet

O trabalho como conteúdo de ensino nos manuais de Civismo (Argentina, 1976-1989)

Doval, Delfina*; Kaufmann, Carolina*; Monzón, María Inés**.

 

Resumo:

Estudam-se as transformações operadas na matéria Formação Moral e Cívica e em manuais escolares da Argentina, especificamente em relação com o trabalho como conteúdo de ensino. Investiga-se esta problemática durante o período compreendido entre os anos da Ditadura e a precoce transição democrática, dividindo a indagação em duas etapas: a primeira desde 1976 a 1983 e a segunda desde 1984 a 1989.

Descargar PDF

Palavras chave: educação, manuais escolares, formação moral e cívica, educação cívica, trabalho.
 

Artículo derivado del PID UNER 3109, radicado en la Facultad de Ciencias de la Educación (FCEdu), Universidad Nacional de Entre Ríos (UNER) (Paraná, Argentina); Directora: Dra. Carolina Kaufmann; recibido en diciembre 2010; admitido en julio 2011. Autoras: *Cátedra Historia Social de la Educación, FCEdu, UNER (Paraná, Argentina); **Becaria de Iniciación en la investigación SCTFRH-UNER. Contacto: ddelfina@gmail.com

   
 

bullet

As Didácticas na formação docente… especificidades que se constroem

Migueles, María Amelia*; Auch, Marcela*; Corfield, María Isabel**; Sattler, Susana*; Tarulli, Gloria*; Viñas, Fabiana*; Gobo, María José*

 

Resumo:

O artigo recupera as contribuições de um processo de investigação que centralizou suas principais análises na conformação curricular das chamadas “Didáticas específicas” nos Professorados de Geografia, História, Ciências Sociais e Filosofia. A pregunta sobre o que faz específicas a estas Didáticas e o que faz didáticas estas especificidades disciplinares sustenta o sentido da produção. No nicho institucional e curricular destes professorados, múltiplos fatores configuram a construção do saber a ensinar e o saber ensinado nas didáticas específicas. Saberes situados e construídos em uma instituição, em um currículo, em um campo disciplinar, em um momento histórico específico e em relação com os sujeitos.

Descargar PDF

Palavras chave: didáticas específicas, formação docente, currículo, ensino, instituição
 

Artículo derivado del PID UNER 3116, Facultad de Ciencias de la Educación (FCEdu), Universidad Nacional de Entre Ríos (UNER); Directora: María Amelia Migueles; recibido en junio 2011; admitido en setiembre 2011. Autoras: **Docentes e investigadores de la FCEdu, UNER (Paraná, Argentina). **Docente e investigadora de la Facultad de Bromatología, UNER (Gualeguaychú, Argentina). Contacto: mtalime@gmail.com

 

Manuel Puig, a política, o umbral

Kozak, Claudia

 

Resumo:

O artigo lê na literatura de Manuel Puig uma concepção do político por fora dos discursos políticos habituais. À partir de formas textuais que trabalham a “prega”, “o entremeio” e o “umbral”, particularmente em gêneros íntimos e procedimentos ligados à espacialidade, o político aparece como desestabilização dos discursos desde seu interior, dúvida das certezas, construção de novas variedades de mundo que desde a ficção apontam para um pensamento aberto à transformação do mundo “tal como é”. A análise focaliza em três novelas escritas durante a década de 1970, que fazem parte do “ciclo político” dentro da narrativa de Puig, para buscar ali diversas formulações discursivas que constroem comunidade impolítica.

 

Descargar PDF

Palavras chave: literatura argentina, comunidade impolítica, Manuel Puig.
 

El presente ensayo continúa una serie de textos publicados con anterioridad por la autora acerca de la narrativa de Manuel Puig. Autora: Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas (CONICET) (Buenos Aires, Argentina); Fac. de Ciencias de la Educación, Universidad Nacional de Entre Ríos (UNER); Fac. de Filosofía y Letras y Fac. de Ciencias Sociales, Universidad de Buenos Aires (Buenos Aires, Argentina); Junta de Dirección del Erasmus Mundus Joint Doctorate de la Unión Europea “Cultural Studies in Literary Interzones”. Contacto: ckozak@filo.uba.ar

 
 

Geología e hidrolitologia da bacia do Arroio Langueyú, Província de Buenos Aires (Argentina)

Ruiz de Galarreta, Alejandro*; Barranquero, Rosario*; Varni, Marcelo**; Rodriguez, Corina Iris*

 
Resumo:

O objetivo geral do trabalho é a caracterização geológica e sua correlação com as propriedades hidráulicas das rochas e sedimentos da bacia do arroio Langueyú. À partir da abordagem analítica e explicativa regional dos componentes físicos como a estratigrafia, geologia estrutural e geomorfologia, descrevem-se os limites e características do sistema hídrico nesta zona. Desde o ponto de vista estratigráfico, a bacia está formada por um embasamento cristalino de idade précambriana e uma coberta sedimentar cenozoica. Estes materiais correspondem-se com os âmbitos hidrolitológicos de fissuras e poroso clástico, respectivamente. O comportamento do sistema é certamente diferente de acordo com os setores geológicos e geomorfológicos (serranias, sopé e planície).

 

Descargar PDF

Palabras clave: hidrogeologia, geomorfologia, bacia do arroio Langueyú
 

Artículo producido por la línea de investigación doctoral “Análisis y evaluación del sistema hidrogeológico ambiental en la cuenca del arroyo Langueyú, Tandil, Buenos Aires”, desarrollada por Rosario Barranquero como becaria, Directores: Dres. Marcelo Varni y Alejandro Ruiz de Galarreta, en el CINEA ; proyecto 03/D230, Secretaría de Ciencia, Arte y Tecnología, UNICEN (Tandil, Argentina); recibido e diciembre 2010; admitido en junio 2011. Autores: *Centro de Investigaciones y Estudios Ambientales (CINEA), Universidad Nacional del Centro (UNICEN) (Tandil, Argentina); **Instituto de Hidrología de Llanuras (IHLLA ) (Azul, Argentina). Contacto: rosariobarranquero@yahoo.com.ar

 
 

Tendências na formação do Engenheiro em Aquicultura no Chile

Díaz V., Juan Pablo* **; González E., Celia*; Brieba R., Claudio*

 
Resumo:

O presente trabalho explora as tendências na formação do Engenheiro em Aquicultura em Universidades do Conselho de Reitores do Chile, verificando o comportamento da oferta e matrícula, seus formados, a empregabilidade de seus profissionais e os resultados do processo de acreditação perante os desafios que apresenta a indústria aquícola. Os resultados permitem afirmar que as Universidades, em termos gerais e nesta carreira, têm conseguido equilibrar suas vagas com a matrícula. Finalmente, fruto do processo de acreditação, as Universidades tem iniciado a formação de futuros Engenheiros em Aquicultura, mediante currículo por competências.

 

Descargar PDF

Palavras chave: Engenharia em Aquicultura, acreditação, formação por competências, Empregabilidade
 

Este artículo se inscribe en el proceso de autoevaluación que se está realizando en el Depto. de Ciencias del Mar de la Universidad Arturo Prat para la acreditación de carrera Ingeniería en Acuicultura, con el objetivo de aportar un marco referencial al nivel de universidades chilenas en esta temática; recibido en agosto 2010, admitido en junio 2011. Autores: * Depto. de Ciencias del Mar, Universidad Arturo Prat. Casilla 121, Iquique, Chile. ** Agencia Acreditadora Colegio de Ingenieros de Chile S.A. (Acredita CI®). Contacto: jpdiaz@unap.cl

 
 

Identificação de cultivares de Medicago sativa L. por caracteres bioquímicos em sementes e plântulas

Galussi, Alberto A.; Moya, María E.; Zimmermann, Liliana R.; Novelli, Leonardo E.; Fagúndez, Guillermina

 
Resumo:

As sementes dos cultivares de alfafa são morfologicamente similares, por isso, a análise de proteínas em sementes e plântula poderia resultar adequada para diferençar os cultivares. O objetivo deste trabalho foi caracterizar cultivares de alfafa, provindas de duas colheitas, a nível de proteínas das sementes através de SDS PAGE e A PAGE, e em estado de protrusão e cotiledonar pela análise da isoenzima Álcool Deshidrogenada. O tamanho de amostra adequado para electroforese foi de 0,5g de sementes em 5,00ml de buffer de extração e o volume de semeadura apropriado foi de 10μl. Em ambos os métodos, SDS PAGE e A PAGE, logrou-se o fracionamento proteico, porém não foi possível a diferenciação entre cultivares; as escassas diferenças achadas não foram repetíveis em amostras de diferentes anos de colheita. O sistema ADH manifestou diferenças entre cultivares, logrando-se maior diferenciação no estado de protrusão.

 

Descargar PDF

Palavras chave: botânica, alfafa, eletroforese, proteínas, isoenzimas
 

Artículo producido en el marco del PID UNER 2101; 2004-2007; Director: Ing. Agr. Alberto Galussi; Facultad de Ciencias Agropecuarias (FCA), Universidad Nacional de Entre Ríos (UNER); recibido en marzo 2011; admitido en agosto 2011. Autores: Laboratorio de Identificación, Caracterización, Verificación de Especies Vegetales y Cultivares (LICVEVC), FCA, UNER, (Oro Verde, Entre Ríos, Argentina). Contacto: cultivar@fca.uner.edu.ar

 

bullet

Estudo da atividade antimicrobiana da lama termal de Copahue (Neuquén, Argentina)

Basualdo, Juan A.*; Schell, Celia M.*; Sparo, Mónica D.*; Grenóvero, María S.**; Giacomino, Marta I.**; Belderrain, Andrés R.**; Monasterio, Ana M.***; De Michele, Daniel F.**; De Luca, María M.*

 

Resumo:

Investigou-se a atividade antimicrobiana da lama termal (Complejo Termal Copahue, Argentina) sobre microorganismos da microbiota autóctone do homem, agentes infecciosos da comunidade, hospitalares e cepas AT CC. As cepas corresponderam a cocos Gram positivos, bacilos Gram negativos, leveduras e cepas AT CC. A lama foi obtida da Laguna Sulfurosa. A atividade inibitória se demonstrou utilizando fase líquida (FL) mediante a prova de difusão em ágar e por estudos de cinética bactericida. Com a primeira se observou halo inibitório perante Staphylococcus aureus e Cándida albicans, não se visualizando inibição para o resto dos microorganismos. O estudo dinâmico através do tempo sobre S. aureus, Enterococcus faecalis, Staphylococcus epidermis e C. albicans demonstrou ação inibitória antes das 6 hs de incubação, enquanto não se observou inibição perante os bacilos Gram negativos. É o primeiro trabalho que demonstra a atividade antimicrobiana da FL sobre as cepas ensaiadas.

Descargar PDF

 
Palavras chave: saúde, termalismo, atividade antimicrobiana, lama, Copahue
 
Se presentan los resultados del PID UNER 10045, desarrollado conjuntamente entre la Facultad de Ciencias de la Salud, Universidad Nacional de Entre Ríos (UNER), Facultad de Ciencias Médicas, Universidad Nacional de la Plata (UNLP) y el Ente provincial de las Termas de Neuquén (EPROTEN) (Argentina), financiado por UNER, Director: Dr. Juan Angel Basualdo Farjat; recibido en octubre 2010; admitido en agosto 2011. Autores: *Cátedra de Microbiología y Parasitología, Facultad de Ciencias Médicas, UNLP (La Plata, Argentina). **Departamento de Posgrado, Facultad de Ciencias de la Salud, UNER (Concepción del Uruguay, Argentina). *** EPROTEN (Argentina). Contacto: jabasua@atlas.med.unlp.edu.ar